Suggestiva | Releases

Releases

 

UNIVERSIDADE SAI DOS “MUROS” E VAI ÀS RUAS DA MAIFEST

UNIVERSIDADE SAI DOS “MUROS” E VAI ÀS RUAS DA MAIFEST PARA PROMOVER CONVERSAS COM PSICANALISTAS 

o evento multicultural acontece nos dias 26 e 27 de maio no Brooklin e traz diálogo com profissionais e estudantes da USP - Universidade de São Paulo

A XIX MaiFestrealizará no dia 27 de maio duas rodas de conversas organizadas pelo LATESFIP - Laboratório de Teoria Social, Filosofia e Psicanálise – USP, dentro do CIESP - Distrital Sul, localizado na Rua Bernardino de Campos, 145.  Os encontros são gratuitos, abertos ao público e abordarão dois temas: “Subjetividade contemporânea, redes sociais e o mal-estar da vida editada” e “Migrações e territórios”.

O objetivo dessas rodas é debater a construção da subjetividade, a forma como estabelecemos vínculos com e para além do território, compreendido em suas mais diversas facetas.

A Roda I acontecerá das 11h às 13h com o tema “Subjetividade contemporânea, redes sociais e o mal-estar da vida editada”. Terá a participação dos psicanalistas Daniele Sanches, Cláudio Kazuo Akimoto Júnior, Elizabeth Brose e da Clarice Pimentel Paulon, que também é professora universitária e doutora pela USP. “Falaremos a respeito da subjetividade do homem contemporâneo que se torna escravo silencioso da tarefa de fabricar e editar episódios da vida para serem publicados. Forma-se um abismo subjetivo que faz do sujeito um eterno refugiado dentro da sua morada, um exilado de si mesmo”, comenta Daniele.

Já a Roda II será das 15h às 17h como o tema “Migrações e territórios” e terá a mesa composta pelos psicanalistas Clarice Pimentel, Daniele Sanches, Elizabeth Brose e Gabriel Binkowski, historiadora Roseli Zimmer Pomerode - SC, historiador Rodrigo Trespach de Osório - RS. “O ‘cidadão do mundo’, figura mítica da globalização, atravessa territórios e faz do mundo sua casa, do curto espaço de tempo seu trânsito. Essa concepção altera as relações com o território e com o outro. Quais os impactos e impasses da constituição subjetiva para o cidadão global? Quais os efeitos do território e que significa, de fato, ser estrangeiro nesse cenário? Em um mundo onde temos livre acesso de circulação, até que ponto as relações culturais podem se articular mantendo as diferenças? Dialogaremos sobre estes e outros aspectos nas conversas”, destaca Clarice.

As rodas terão participação especial do convidado Christian Ingo Lenz Dunker, psicanalista e professor titular do Instituto de Psicologia da USP. Para participar, é preciso se inscrever nos telefones (11) 5531-3067 ou (11) 5533-4904 até o dia 25/05 ou até esgotarem as 50 vagas.

A MaiFest está em sua 19ª edição e é promovida pela AEMB - Associação dos Empreendedores e Moradores do Brooklin, nos dias 26 e 27 de maio no quadrilátero das Ruas Joaquim Nabuco, Barão do Triunfo, Princesa Isabel e Bernardino de Campos. Este ano o tema do festival é “Gemeinsam reisen! (Viajar Juntos) Staatsbürgerschaft (cidadania), experiências migrantes interculturais”, com atividades culturais das 10h às 22h. É válido destacar que a MaiFest traz uma miscelânea de entretenimento de graça, como danças folclóricas alemãs, apresentações, corais, shows, esportes, gastronomia, artesanato e muito mais!

Serviço:

XIX MaiFest
Dias: 26 e 27 de maio
Local: Quadrilátero das Ruas Joaquim Nabuco, Barão do Triunfo, Princesa Isabel e Bernardino de Campos
Horário: das 10h às 22h
Entrada gratuita

RODA DE CONVERSA LATESFIP USP

Data: 27 de maio
Horário: Roda I das 11h às 13h e Roda II das 15h às 17h
Onde: Sala do CIESP
Endereço: CIESP / Distrital Sul-  Rua Bernardino de Campos, 145.

Mais informações através do site www.aemb.org.br